Sessão 6

Indagar arquivos, encarar o passado e o futuro. Os dois filmes que compõem essa sessão encontram nos registros possibilidades de compreensão do presente, compartilhando memórias e revelando as relações que constroem um futuro. Em Mutirão – O Filme, somos conduzidos por uma criança que narra, a partir das imagens de seu bairro, os processos de organização dos mutirões para construção do lugar que hoje é sua morada. Um filme simples na sua forma e imenso na possibilidade de entrelaçar o pessoal ao coletivo. Sobradinho toma como dispositivo a própria linguagem do cinema para acionar o passado no presente vivido, recuperando em cena as relações entre pessoas, memórias e território. Os processos de construção, perda e resistência são transmitidos com precisão nessa especial sessão da mostra atravessamentos.

Olá, isso é um comentário. Para começar a moderar, editar e excluir comentários, visite a tela de Comentários no painel. Avatares de comentaristas vêm a partir do Gravatar.